Podcast #10 | Pixar Animation Studios

Nessa edição do podcast da Dimensão Geek, Aldo Gama, Camila Borda, Fábio Martins e Thiago Augusto falam sobre a Pixar Animation Studios, um dos maiores e mais influentes estúdios de animação do mundo. Editado por Bruna Lís, o programa fala sobre a história da empresa, seus filmes, sua importância e faz uma avaliação para saber se ela passa ou não por uma instabilidade do processo criativo.

Com 17 filmes lançados, sendo 12 lançamentos originais e cinco continuações, a Pixar nasceu nos anos 80, mas apenas na década seguinte chegou ao cinema, com Toy Story. Por ser a primeira animação feita totalmente por computador, ela foi “proibida” de concorrer ao oscar e recebeu uma estatueta especial por não “se enquadrar” nas categorias participantes.

A Pixar lançou nesses anos todos diversas obras primas como os três Toy Storys, Procurando Nemo, Monstros S.A., Wall-E e Divertida Mente. Ótimos filmes como Valente, Os Incríveis, Ratatouille, Procurando Dory e Up – Altas Aventuras e algumas animações razoáveis e fracas, como os dois Carros, Vida de Inseto, Universidade Monstros e O Bom Dinossauro.

Essa instabilidade nos últimos anos levou a Pixar a passar por um período sabático e depois de um ano a empresa voltou disposta a retomar a sua posição no mercado. Apesar dessa irregularidade em algumas obras, é inegável que o estúdio revolucionou o mundo da animação e influenciou não apenas as novas produtoras, como a maior gigante no campo de entretenimento infantil, a Disney.

O futuro ainda é uma incógnita para a Pixar, mas ela já provou que é capaz de continuar no topo por muito tempo porque dificilmente entrega um trabalho ruim. Ela só precisa tomar cuidado com o excesso de continuações, pois isso pode ser um sinal de falta de criatividade. Para se ter uma ideia, dos próximos quatro lançamentos previsto, três são continuações: Carros 3, Os Incríveis 2 e Toy Story 4. A única exceção é Viva – A Vida é Uma Festa, que deve chegar aos cinemas brasileiros em 22 de novembro de 2017.