Se pudermos definir esse último capítulo da série Two And a Half Men em apenas uma palavra, ela seria RANCOR. E a vítima do elenco remanescente e, principalmente, do criador do show (Chuck Lorre) não poderia deixar de ser o ator Charlie Sheen, que era a alma, coração e graça do seriado interpretando o mulherengo