Novidades

Game of Thrones S07E06 | Beyond the Wall

Geralmente o penúltimo capítulo de qualquer temporada de Game of Thrones é o mais impactante do ano. Aqui em Beyond the Wall não poderia ser diferente. A cena final é tremendamente impactante, vai determinar rumos drásticos na série, mas não chegou a ser totalmente surpresa, pois é outra teoria que acabou sendo ‘descoberta’ anteriormente pelos fás da saga criada por George R. R. Martin.

Mas antes de falar sobre ela em si, dois momentos importantes marcaram Beyond the Wall. Primeiro em Pedra do Dragão, numa conversa entre Daenerys e Tyrion e depois em Winterfell, entre Sansa e Arya, mostrando como a caçula ainda é muito influenciada pelo pai, Ned Stark, e como Mindinho consegue mexer no tabuleiro do Jogo dos Tronos como poucos.

Antes do tão aguardado encontro entre Cersei e Daenerys, Tyrion tem uma longa conversa com a Nascida na Tormenta em Pedra do Dragão e, em uma das cenas mais ‘calmas’ de Beyond the Wall, falam sobre o temperamento difícil da Targaryen e o futuro de Westeros. Preocupado com o futuro, o anão procura vislumbrar uma nova maneira de governar, diferente de como os antepassados dela governaram até a rebelião de Robert. Sendo ela incapaz de ter filhos novamente e percebendo que as guerras pelo poder dificilmente acabarão, o pequeno Lannister quer algo diferente, algo que eu acredito que seja o final da série: o fim da monarquia, a separação dos reinos e um regime mais democrático onde cada um escolherá o seu governante da sua maneira. O próprio duende é enfático e corrobora com o que penso: os Greyjoy tem o jeito deles, a Patrulha da Noite também… Se isso realmente acontecerá só saberemos na última temporada.

Em Winterfell, aparentemente o plano de Mindinho dá resultados. Por acompanhar de perto a curta estadia de Ned e Arya em Porto Real, ele sabe muito bem que a relação entre pai e a caçula das meninas era extremamente próxima e como ela amava o pai acima de tudo. Exatamente por isso ele atacou a pequena Stark onde ela era mais vulnerável: a morte de Ned. Mesmo confrontando Sansa da forma acintosa que ela fez, acredito (principalmente pela cena em seu quarto, quando a irmã mais velha descobre seus ‘rostos’) que ela tem a situação sob controle. A princípio ela pode ter se abalado e se voltado sim contra a irmã, mas ao dar a adaga para Sansa ela já dá sinais de que percebeu a jogada de Petyr Baelish. Não podemos esquecer ainda o ‘fator Bran’. Sua habilidade de ver o passado e prever o futuro pode ser determinante nessa questão e não duvido nem um pouco que eles tenham tido uma conversa entre o flagra que ela deu em Sansa no seu dormitório.

No extremo Norte, pra lá da Muralha, a cena tão comentada de Beyond the Wall, com o Esquadrão Suicida de Game of Thrones tentando capturar um White Walker para provar a Cersei que a ameaça zumbi é real. Além das belíssimas cenas sob a intensa nevasca no Norte, tivemos diálogos bem interessantes com Jon Snow e Jorah Mormont e Gendry com a Irmandade Sem bandeiras , além de um bom alívio cômico entre Tormund Giantsbane e Sandor Clegane. A velocidade dos fatos tão reclamada em fóruns da internet não se justificam. É claro que a cena não se passa em ‘tempo real’. É possível ver que eles passam pelo menos dois dias e duas noites, no mínimo, após atravessarem os portões da Muralha.

Se a chegada de Daenerys e seus três Dragões não foi tão impactante quanto o do ataque de Drogon ao exército Lannister e seus aliados, ele foi muito importante para mostrar para ela que Jon não estava delirando e que seus dragões são terríveis armas de guerra, mas não são imortais e não são suficientes para encarar o Rei da Noite e seus mortos vivos. E, claro que agora, com a morte de Viserion e seu retorno como zumbi, já podemos concluir que, sim, a Muralha finalmente cairá, e o inverno se estenderá e irá durar por um bom tempo.

Fabio Martins on twitterFabio Martins on linkedinFabio Martins on instagramFabio Martins on googleFabio Martins on facebookFabio Martins on email2
Fabio Martins
Santista de nascimento, flamenguista de coração, paulistano por opção. Ama vídeo game, cinema, séries, música, nerdices e cultura pop em geral.
About Fabio Martins (398 Articles)
Santista de nascimento, flamenguista de coração, paulistano por opção. Ama vídeo game, cinema, séries, música, nerdices e cultura pop em geral.