Novidades

Game of Thrones: S05E02 – The House of Black and White

Melhor que o episódio de estreia, The House of Black and White já começa a mostrar os rumos que ditarão a quinta temporada de Game of Thrones. Embora seja “centrado” na casa Stark, ele mostra também uma pequena parte da cidade em Dorne e o começo do declínio de Cersei Lannister e Daenerys Targaryen. O texto a seguir contém spoilers, se você não viu o episódio é melhor voltar para a nossa página principal clicando aqui. Se você não se importa, continue lendo por sua conta e risco.

AryaA situação não é boa para os Starks desde a primeira temporada, mas em The House of Black and White dá a entender que a sorte começará a mudar para os lobos do norte. Mas como nem tudo são flores (aliás, muito pelo contrário) na obra de Geroge R.R. Martin, não podemos dizer realmente que dessa vez a família deixará de sofrer.

Arya continua sendo a mais esperta e determinada filha de Ned Stark. Ela finalmente chegou em Bravos e está na casa de portões branco e preto (o The House of Black and White do título), onde deseja aprender com o seu aliado Jaqen H’ghar como se tornar uma “ninguém”. A garota tem os brios do saudoso Ned e não desiste do seu objetivo com facilidade.

O mesmo não pode se dizer de Jon Snow, que a cada dia que passa prova que realmente não sabe de nada. Todos sabem que existe uma teoria que coloca em xeque a questão da paternidade de Jon Snow. Mas se ele não herdou a teimosia e falta de jogo de cintura do DNA dos Starks, foi a convivência com a família que o tornou bocó desse jeito, Snowcapaz de recusar o título de Rei do Norte oferecido por Stannis porque agora ele é um irmão juramentado da Patrulha da Noite e não pode abandonar seus irmãos. E a sua recém promoção a 998.º Senhor Comandante não é lá pra ser comemorada, já que o bastardo não é bem quisto por metade dos seus irmãos, é odiado pelos selvagens e despertou a fúria de Stannis.

Mas nada é pior do que Sansa, que além de não ter nenhuma qualidade da família Stark consegue ser mais burra que o irmão bastardo, incapaz de aprender com os próprios erros. A moça é um desastre ambulante e não consegue se aliar com ninguém que preste. E o pior, não consegue parar para pensar nas suas próprias escolhas. Depois de se aliar com Joffrey, depois Cersei, a ex-ruiva recusa a ajuda de Brienne para continuar sendo “ajudada” pelo Mindinho – que mesmo matando sua tia em sua presença ainda é visto com bons olhos pela moça. Mais burra impossível.

Ainda não foi dessa vez que Dorne apareceu para valer e por isso nem vale a pena destacar essa parte que só serviu para mostrar rapidamente Myrcella Baratheon e o descontentamento de Ellaria Martell com o príncipe Doran Martell, sobre a morte do tio Oberyn Martell (a Víbora Vermelha). É um arco que será importante mais para o final da temporada e por isso não dá para entrar em detalhes ainda.

Mas se as coisas estão bem para o clã Stark, não podemos dizer o mesmo das famílias Lannister e Targaryen. As rainhas das respectivas casas começam a meter os pés pelas mãos e se complicam um pouco mais no jogo dos tronos. Cersei nem tanto. A mãe do rei Tommen espera se perpetuar no poder formando um Conselho para lhe agradar ao invés de um que seja melhor para o reino. E isso poderá custar caro mais para frente.

DrogonJá a mãe dos dragões percebe que não será fácil lidar com a guerra entre os Filhos da Harpia e seus Imaculados. Pior, ao ignorar o que Sor Barristan Selmy disse sobre as loucuras do seu pai, o Rei Louco, e comandar um julgamento desastroso, ela terá que lidar com a revolta dos seus libertos. Mas nem tudo está perdido para Khaleesi que, ao receber a “visita” de Drogon – seu dragão mais perigoso e único que continua livre – ela percebe que ele ainda tem algum tipo de afeto por ela. E isso pode ser o diferencial nesse jogo, afinal de contas, quem não gostaria de ter um dragão como aliado?

Fabio Martins on twitterFabio Martins on linkedinFabio Martins on instagramFabio Martins on googleFabio Martins on facebookFabio Martins on email2
Fabio Martins
Santista de nascimento, flamenguista de coração, paulistano por opção. Ama vídeo game, cinema, séries, música, nerdices e cultura pop em geral.
About Fabio Martins (374 Articles)
Santista de nascimento, flamenguista de coração, paulistano por opção. Ama vídeo game, cinema, séries, música, nerdices e cultura pop em geral.