Novidades

FOX| Recorde com sexto ano de The Walking Dead

A princípio, a estratégia de transmitir no Brasil episódios de algumas séries simultaneamente com os Estados Unidos era uma forma de combater a pirataria. Ansiosos, os fãs não aguardavam a diferença de semanas, meses e, em alguns casos, anos para assistir o novo capítulo de seu seriado favorito e baixava o show um dia depois de sua transmissão no país de origem. A FOX foi um dos canais que adotaram essa estratégia e, além de diminuir com os downloads ilegais, não só aumentou sua audiência como bateu recordes históricos.

Logo na estreia do sexto ano de The Walking Dead, a FOX cravou audiência média de 1,82 pontos no Ibope. A marca é 90% maior que a estreia da temporada anterior e ficou em primeiro lugar em canais pagos no horário, 243% acima do segundo colocado no ranking. Considerando a TV aberta, o número também surpreende, deixando a emissora em quarto lugar. Este é a maior marca da história do canal FOX no Brasil e a maior audiência de uma série de ficção de toda a história da TV fechada em nosso país.

Outro número surpreendente da FOX foi com a maratona de The Walking Dead. O canal exibiu durante dois dias todos os episódios das primeiras cinco temporadas da série. Ao todo foram 67 episódios e 3.426 minutos de maratona, que deixou o canal em primeiro lugar na TV a cabo durante 69% do tempo.

Uma das explicações para o sucesso de The Walking Dead é a evolução da trama da série. Algo que ficou estagnado principalmente durante o terceiro e quarto ano quando ela ficou “presa” no arco do Governador. Foram duas temporadas arrastadas que fez com que muitos desistissem do show. Mas o quinto ano foi essencial para essa recuperação e o sexto ano, até aqui, dá sinais que a qualidade será mantida.

O próximo episódio promete aumentar ainda mais os índices de audiência principalmente por causa do final do terceiro capítulo quando Glenn Rhee (Steven Yeun) aparentemente morre devorado por zumbis. Os produtores da série não confirmaram e nem negaram a morte do personagem e não é tão clara se o corpo devorado é dele ou de Nicholas, que se suicidou e caiu junto com Glenn no meio dos mortos-vivos.

Quem lê a HQ de The Walking Dead sabe que Glenn já partiu dessa para melhor faz tempo. E sua morte foi chocante e serviu para introduzir um dos piores vilões da série: O inescrupuloso Negan, que usando a sua “Lucille” (um bastão de beisebol cravado de pregos e arame farpado) estraçalha a cabeça do personagem na presença de Maggie, Rick e outros sobreviventes.

Embora tenha traçado um caminho diferente dos quadrinhos, a série vem surpreendendo com esse arco e com a ousadia de se livrar de alguns personagens principais de forma inusitada. Apesar de ser um dos melhores personagens de The Walking Dead, a morte de Glenn (caso ela seja mesmo confirmada) trará mais benefícios para o seriado, que terá a dura missão de substituí-lo por outro nome com tamanho carisma. Ponto para a ousadia e ponto para o comprometimento dos produtores do show.

Fabio Martins on twitterFabio Martins on linkedinFabio Martins on instagramFabio Martins on googleFabio Martins on facebookFabio Martins on email2
Fabio Martins
Santista de nascimento, flamenguista de coração, paulistano por opção. Ama vídeo game, cinema, séries, música, nerdices e cultura pop em geral.
About Fabio Martins (401 Articles)
Santista de nascimento, flamenguista de coração, paulistano por opção. Ama vídeo game, cinema, séries, música, nerdices e cultura pop em geral.