Violência, loucura, escatologia e crítica social é o que não falta nessa HQ que é insana demais até para o universo distópico do Juiz Dredd. Tudo isso regado a muito rock'n'roll e referências musicais. Um prato cheio mesmo quem não é leitor recorrente de quadrinhos, mas curte um bom Heavy Metal.