Oscar 2015: Birdman é o grande vitorioso da noite

Em uma cerimônia morna e previsível, com uma fraca apresentação do anfitrião da noite (Neil Patrick Harris), Birdman, de Alejandro González Iñárritu, foi o grande vitorioso do Oscar 2015 faturando quatro estatuetas: Melhor Fotografia, Melhor Roteiro Original, Melhor Diretor e Melhor Filme. Leia a nossa crítica do filme aqui. A festa do Oscar 2015 começou

Robert Zemeckis e as polaroides do tempo

Robert Zemeckis botou a lente no pulso de uma nação. Seus filmes podem não ser considerados exatamente emblemas de épocas por grande parte do público ou da crítica, mas dizem mais sobre as últimas décadas do século passado nos EUA que alguns de seus contemporâneos. Não funcionam como conceitos, apenas como momentos. A rapidez –

Estreias: Sniper Americano e Um Santo Vizinho

Apenas duas estreias aquecem o final de semana do Oscar 2015. Uma delas, Sniper Americano, é polêmica e concorre ao grande prêmio da noite. A outra, Um Santo Vizinho, é uma deliciosa comédia dramática estrelada pelo veterano Bill Murray. Indicado ao Oscar 2015 nas categorias “Melhor filme”, “Melhor ator”, “Melhor roteiro adaptado”, “Melhor edição”, “Melhor