MasterChef Brasil| S02E07| 12 candidatos competem

Em mais um episódio longo (pelo jeito a Band não vai mexer na edição e não vou mais me aprofundar nessa questão), o MasterChef Brasil dessa semana teve algumas surpresas positivas. Principalmente os candidatos que estavam fadados a meros coadjuvantes na competição, que finalmente despertaram e começaram a mostrar serviço justamente no quesito mais temido pelos cozinheiros: a confeitaria.

A primeira parte do programa contou com a participação especial do chef patissier Fabrice Le Nud, um dos maiores nomes da confeitaria no Brasil. Para sorte dos concorrentes,. Ninguém foi obrigado a reproduzir um dos seus pratos refinados. Eles apenas tiveram que produzir uma sobremesa com creme de confeiteiro. Depois de deixar escapar a vitória na edição anterior por ter colocado catchup no molho da lasanha, a consultora Carla Correia conseguiu enfim sua redenção e fez o melhor doce, batendo por pouco o agente de trânsito Cristiano Oliveira, que está enchendo o saco com tanto chororô de emoção.

Quem se deu bem na prova foram os insossos Marcos Baldassari e Sabrina Kanai. Ambos fizeram boas sobremesas que foram elogiadas pelo trio de ferro Erick Jacquin, Henrique Fogaça e Paola Carosella e se juntaram ao baiano e à paulista na sacada do MasterChef para assistir a prova de eliminação. Carla ainda teve a oportunidade de escolher a ave que os demais participantes teriam que preparar para escaparem da degola.

Azar de Gustavo Bicalho. O advogado mineiro recebeu uma carne muito boa (pato), mas que nem sempre é fácil de fazer. Ele entregou a ave praticalemente crua e perdeu por pouco para o publicitário santista Raul Lemos que quase incendiou a boca da chef Paola com seu avestruz apimentadaço.

E mesmo sendo melhor que o seu adversário, Raul se safou por pouco da eliminação do MasterChef. A competição está se afunilando e quem não tem repertório ou der mole será eliminado. É bom abrir o olho.

Ah, e com a eliminação precoce da candidata Izabel, já temos um novo candidato ao posto de personagem insuportável do programa. O publicitário Fernando Kawasaki, que se acha a última bolacha do pacote, mas que não sabe dispitar nenhuma prova de grupo. Além de dar chiliques mimadinhos, se preocupa em fazer a sua parte direito e não se importa com a vitória do grupo. Mesmo sabendo que isso não o livra da prova eliminatória em caso de derrota da sua equipe. Mala sem alça que torcemos para que rode o mais cedo possível.

Fabio Martins on InstagramFabio Martins on Twitter
Fabio Martins
Santista de nascimento, flamenguista de coração e paulistano por opção. Fã de cinema, música, HQ, games e cultura pop.