“Godfather of Harlem” estreia na Fox Premium

Nesta sexta-feira, 19 de junho, a Fox Premium estreia “Godfather of Harlem, a aclamada estrelada por Forest Whitaker (O Último Rei da Escócia) que narra a história do infame “Bumpy Johnson”, um dos chefes mafiosos mais notórios dos Estados Unidos e reflete a colisão do submundo criminoso e do movimento pelos direitos civis durante um dos momentos mais tumultuados da história daquele país. A série tem 10 episódios e eles serão exibidos sempre neste dia da semana, às 22h15min.

Escrito por Chris Brancato e Paul Eckstein (“Narcos”), “Godfather of Harlem” combina eventos históricos e políticos que retratam por um lado o movimento liderado por Martin Luther King na década de 1960 nos Estados Unidos pela luta dos direitos civis e, por outro, a criminalidade da época, efeito do negócio de drogas e tráfico de armas nas mãos de várias máfias perigosas.

Whitaker estrela a produção, interpretando Ellsworth “Bumpy” Johnson, um dos mafiosos mais relevantes dos EUA, que, no início dos anos 60, retorna para recuperar seu bairro depois de passar uma década na prisão de Alcatraz, em São Francisco, sob uma acusação de envolvimento com drogas.

A história de Godfather of Harlem se inicia em 1963, logo após Bumpy cumprir sua sentença, quando retorna ao Harlem, em Nova Iorque, e descobre que o bairro que ele uma vez “governou”, agora se encontra em ruínas. Com as ruas controladas pela máfia italiana, para recuperar o controle, ele deve enfrentar a família genovesa liderada por Vincent “Chin” Gigante (Vincent D’onofrio, “O Demolidor”), considerado um dos mafiosos mais infames da cidade.

Quando Johnson volta às ruas, ele é recebido por seu velho amigo “Detroit Red”, também conhecido como Malcolm X (Nigél Thatch), um pregador radical da Nação do Islã com enorme popularidade e líder militante ativista dos direitos civis que se aproxima dele com a intenção de ajudá-lo a limpar as ruas depois que a máfia italiana as inundou com drogas.  Com as armas de Johnson e os seguidores de Malcolm X, os dois enfrentarão a família genovesa para recuperar o controle do Harlem em uma dura batalha que ameaça destruir a cidade em meio aos tumultos sociais.

Ao mesmo tempo, “Bumpy” terá que cuidar de sua complicada vida familiar, particularmente por causa de sua filha Elise (Antoinette Crowe-Legacy, “Inpatient”), e respeitar os desejos de Mayme (Ilfenesh Hadera, “She’s Gotta Have It”), sua  esposa, que lhe pedirá para ficar longe dos crimes. Elise tornou-se uma ladra de lojas e também uma viciada em drogas. Será seu vício que fortalecerá a decisão de seu pai de assumir o comércio italiano de narcóticos no Harlem. Por sua vez, o Reverendo Adam Clayton Powell Jr. (Giancarlo Esposito, “Breaking Bad”), um célebre ativista dos direitos civis, pastor batista e congressista democrata, será um dos aliados mais poderosos de Johnson.

O elenco da série conta ainda com Kelvin Harrison Jr. (“Luce”), Paul Sorvino (“Bad Blood”),  Kathrine Narducci (“O Irlandês”), Rafi Gavron (“Nasce Uma Estrela”)e Lucy Fry (“Vampire Academy”). Embora a história seja inspirada em eventos reais, certos personagens, caracterizações,  incidentes, locais e diálogos são criações ficcionais para fins de dramatização. Com relação a tal ficção, qualquer semelhança com o nome ou personagem da história real de qualquer pessoa, viva ou falecida, ou com qualquer produto ou entidade ou incidente real, tem um propósito dramático e não se destina a refletir um personagem real, história, produto ou entidade.

OS PERSONAGENS DE GODFATHER OF HARLEM

“BUMPY” JOHNSON
(Forest Whitaker)

Mais do que apenas um gângster, é uma lenda em Nova York, conhecido como “o Robin Hood do Harlem”. É um homem de muito poder e grande influência na comunidade e o que realmente o motiva é a necessidade de ser considerado um igual.

É inteligente, maquiavélico e tem o que é preciso para ser um chefe. É um intelectual, que lê muito, mas também capaz de brutalidades gigantes.

Por anos a máfia italiana o utilizou como um aliado, até que foi preso. Depois de passar mais de uma década em Alcatraz, Bumpy retorna ao Harlem e se dá conta de que o bairro não é mais o mesmo, que as drogas prejudicaram profundamente a comunidade – e também sua própria filha – e que ele perdeu todo o seu poder para a família Genovese. Por isso decide lutar para recuperar seu império, com a ajuda de Malcom X e influenciado pelo movimento dos direitos civis. Malcom X o vê como alguém a mais para recrutar para sua causa e fará um esforço maior por ele por conta da relação de amizade entre os dois.

VINCENT “CHIN” GIGANTE
(Vincent D’onofrio)

Nascido em Manhattan em 1928, Gigante recebeu o apelido de “Chin” de sua mãe. Ex-boxeador, é considerado um dos mafiosos mais infames da cidade de Nova York e é o líder da família Genovese.

Controla o crime no Harlem até que Bumpy retorna da prisão pronto para retomar seu poder. É uma figura excêntrica, que se nega a cooperar com Johnson, o pressiona e o deprecia constantemente com seu racismo.

Sua filha, Stella Gigante (Lucy Fry), se apaixona por Teddy Greene, um músico afro-americano, mas essa relação coloca em perigo a família Green e Bumpy precisa intervir para separá-los. Na época, o contato e relacionamento com um afro-americano era algo muito perigoso.

MALCOM X
(Nigél Thatch)

Quando Johnson volta para as ruas, é recebido por seu amigo “Detroit Red”, também conhecido como Malcolm X, um radical islâmico de enorme popularidade e líder militante ativista dos direitos dos afro-americanos que se aproximam dele com a intenção de ajudá-lo a limpar as ruas depois que a máfia italiana as encheu de drogas. Com as armas de Johnson e os seguidores de Malcom X, os dois enfrentarão a família Genovese para recuperar o controle do Harlem.

Malcolm tentará doutrinar Bumpy com os valores de sua religião e será o salvador de Elise, a filha de seu amigo, quando a leva sua clínica de reabilitação para que ela se afaste das drogas.

Mesmo com as diferenças de métodos que tem com Adam Clayton Powell Jr., eles se unem em torno do mesmo objetivo: proteger sua comunidade.

ADAM CLAYTON POWELL JR. 
(Giancarlo Esposito)

Célebre ativista dos direitos civis, pastor batista e congressista democrata. É o primeiro afro-americano a representar Nova York no congresso dos Estados Unidos. Luta pelos direitos dos afro-americanos organizando protestos e apoiando a legislação dos direitos civis, mas também é conhecido por seu jeito sombrio e por sua personalidade polêmica, dois pontos que mancham sua reputação

Ele se posiciona contra a máfia italiana e isso o coloca em evidência no mundo do crime. Bumpy e Adam são ambos influentes e poderosos dentro da comunidade, de maneiras diferentes: eles fazem com que as pessoas tenham respeito por si próprias e entendam que o Harlem é da comunidade. Adam, Malcom X e Bumpy têm o mesmo objetivo, mas seguem caminhos diferentes.

MAYME JOHNSON
(Ilfenesh Hadera)

É a esposa de Bumpy. Uma mulher complexa, protetora e independente na comunidade. Bumpy e ela ficaram separados por 11 anos e por isso ela criou sua filha como mãe solteira. Eles estão tentando se acertar e aprendendo um com o outro. Ela é sua parceira no crime e uma conselheira muito melhor do que seus homens de confiança.

É muito forte, mas no fundo teme que seu relacionamento com Bumpy acabe a qualquer momento e, por isso, deseja mantê-lo fora do controle das ruas e longe de problemas.

ELISE JOHNSON
(Antoinette Crowe-Legacy)

É a filha que Bumpy não criou por estar ora nas ruas fazendo dinheiro, ora preso. Foi viciada em drogas desde criança e trata de devolver o sofrimento de tudo o que passou para seu pai sempre que pode, para que ele sinta tudo o que ela sentiu.

Bumpy e sua mulher criam a neta, Margaret, como se fosse filha, porque Elise não estava em condições de fazer isso.

Bumpy sente que seu vício é a causa da fragilidade de sua filha e que isso não é algo que ele causou, mas pouco a pouco começa a mudar sua visão.

Quando Bumpy sai da prisão, decide interná-la no programa de desintoxicação de Malcom X, o que coloca os três em uma situação especial.

Fazer parte da vida de sua filha Magaret é o objetivo principal de Elise e o que a motiva a mudar a sua própria vida. Podemos vê-la neste caminho, ao mesmo tempo em que tem seus momentos de fúria e rebeldia, especialmente quando confronta seu pai.

GUAPO BORICUA
(Luis Guzmán)

É o braço direito de Bumpy. Quando ele estava na prisão, Guapo se encarregou de cuidar e de proteger sua família. É um gangster leal a Bumpy, especialmente nos negócios.

CINCO CURIOSIDADES SOBRE “GODFATHER OF HARLEM”

BASEADA EM ACONTECIMENTOS REAIS

Ellsworth Raymond Johnson nasceu em Charleston, em 31/10/1905. Seu apelido, “Bumpy”, vem da infância, por causa de um caroço na parte de trás da cabeça. Uma forma de conhecer passagens menos famosas de sua vida de Bumpy é pela biografia escrita por Mayme Johnson (sua viúva) e Karen E. Quinones. “Harlen Godfather: The Rap on My Husband, Ellsworth ‘Bumpy’ Johnson” conta detalhes da relação dele com a família.

A LUTA PELOS DIREITOS DOS AFROAMERICANOS

A série mistura eventos históricos e políticos que retratam, por um lado, o movimento liderado por Martin Luther King na década de 1960 nos EUA – a luta pelos direitos civis dos afroamericanos – e, por outro, a criminalidade da época – resultado dos tráficos de drogas e de armas, negócios que estavam nas mãos de diversas e perigosas frentes da máfia.

A OUTRA FACE DE BUMPY JOHNSON

O protagonista desta história foi retratado como um gângster brutal e sem escrúpulos, mas que se apresentava como um homem do povo e que, com frequência, ajudava a comunidade. Um detalhe pouco conhecido deste histórico personagem é seu amor pelos livros e pela filosofia – que lhe rendeu o apelido de “O Professor”. Além de sua paixão pela boa leitura, Bumpy era conhecido por suas habilidades no jogo de xadrez.

O BAIRRO DO HARLEM

O principal cenário em que se desenvolve a série está no norte de Manhattan, Nova York. Conhecido historicamente como um bairro principalmente afroamericano, o Harlem já foi locação para as filmagens de muitas outras histórias inspiradas nas organizações criminosas dos Estados Unidos.

A TRILHA SONORA COMO PROTAGONISTA

Quando a banda de “Godfather of Harlem” entra em ação, é impossível não se transportar musicalmente ao passado – mas com maravilhosos toques modernos. As 19 composições originais, criadas especialmente para a série, acompanham uma história que aconteceu no passado, mas foram pensadas para atrair os espectadores mais jovens, proporcionando uma perspectiva sobre como os problemas de ontem continuam sendo os mesmos de hoje. O resultado: um conjunto musicalmente diversificado de melodias que têm a intenção de entrelação som e história. Artistas como Skip Marley e French Montana, Savage e John Legend contribuíram com canções originais exclusivas.

Acompanhe as novidades do FOX Premium em suas plataformas oficiais:

· Facebook, twitter, e instagram.

Fabio Martins on InstagramFabio Martins on Twitter
Fabio Martins
Santista de nascimento, flamenguista de coração e paulistano por opção. Fã de cinema, música, HQ, games e cultura pop.